Dicas de Viagem: São Miguel do Gostoso

Viagem realizada entre 17 e 20 de Abril de 2014, durante o outono no hemisfério sul.
O vôo foi pela TAM, saindo de Guarulhos às 21:15 e chegando à Natal às 00:35 do dia seguinte.

Pousando em Natal, logo na saída do portão você encontrará várias lojas de aluguel de carros. Procure a Autolocadora Serra Dourada, pois eles praticam, de longe, o melhor preço. A diária durante essa viagem ficou por R$ 67,00 com seguro, enquanto que a tarifa mais barata nas outras locadoras estava acima de R$ 100,00.

Dirija por 120km até São Miguel do Gostoso. Se você quiser puxar direto vai chegar quando o dia estiver amanhecendo. O visual fica deslumbrante e a estrada é praticamente só sua.

A hospedagem escolhida para essa viagem foi na super acolhedora Pousada Curva do Sol, a qual os donos são educados e atenciosos paulistanos de Ribeirão Preto. O staff é agradável e o chalé/flat é limpo, cheio de utensílios (incluindo geladeira e microondas) e o café da manhã é delicioso.
Uma coisa que chamou bastante atenção foi quanto a reserva, que foi feita de última hora, às 17h no início do feriadão, diretamente com a proprietária, que se mostrou flexível com early checkin (pudemos chegar diretamente do aeroporto e nos hospedar e fomos cobrados apenas de 3 diárias, quando o pacote seriam 4) e late checkout. Eles também estão no Booking.

No primeiro dia, após largar o carro no estacionamento, dar bom dia a quem estiver na recepção e capotar de sono no quarto, acordar para um café da manhã regional caprichado. Incrível o cuidado dos donos e do staff, que esticou o tempo do café da manhã para que os hóspedes que "chegaram de madrugada" pudessem descansar.

Depois do café da manhã, pegue o carro e vá até a praia Pontal de Santo Cristo. Lá você vai encontrar a barraca Jack Sparrows. Deite-se em uma de suas espreguiçadeiras sob a sombra de palhas de coco e peça alguns dos sucos de fruta regionais (cajá, mangaba, graviola, tamarindo, ...). Para comer, sugiro a salada de polvo com batata e mostarda dijon, que não tem seu nome necessariamente nessa ordem. É absurdamente delicioso!

Aqui é o tipo do lugar que você passa o dia inteiro descansando da viagem. Aproveite entre um suco e outro para tomar uma ducha na bica ou dar uma caminhada até o mar. Nessa região a faixa de areia é larga e o mar tem suspensão e sargaço.

O almoço do primeiro dia foi no restaurante de um dos melhores hotéis da cidade. O restaurante se chama Malagueta e o pedido foi uma peixada, também conhecida como moqueca. Sinceramente, apesar do atendimento do restaurante ser muito bom e cortês, o prato não tinha o sabor prometido no cardápio e as moscas estavam infernizando. Reza a lenda que nesse período, na costa do Rio Grande do Norte, elas realmente infernizam.

Fim do dia vá curtir o pôr-do-sol na praia de Tourinhos, no norte da praia. De lá você vai apreciar o sol se pondo por trás dos Ventos Potiguares. O visual é magnífico! Existe um restaurante bem bacana chamado A Tortuga, que dá para estacionar e pegar uma mesa para apreciar o espetáculo. Caso prefira fincar os pés no chão, você pode solicitar uma cooler na pousada e levar sua bebida ou consumir em uma das barracas que ficam na praia.

À noite, curtir um pouco da piscina da pousada e depois comer um acarajé e um bobó de camarão no restaurante baiano Hibiscus, que fica próximo à pousada.

No segundo dia pegue o carro e dirija ate Perobinhas, um povoado próximo a Touros, que tem vários restaurantes e passeios de barco. Os valores dos passeios são salgados. Dependendo da sua experiência com snorkel sugiro ate não fazer. Um passeio de 2 horas custa em torno de 80 reais por pessoa. Sendo que sao 40 minutos de barco na ida mais 40 minutos de barco na volta, tendo a curticao no mar apenas 40 minutos. São servidos refrigerantes e cervejas ao chegar no ponto de mergulho e estão incluídos no valor.
Esse passeio pode ser feito por operadoras locais.

No retorno do passeio, sugiro almoçar no Restaurante do Vovô, que tem um cardápio saboroso e barato. Mas chegue cedo, pois o lugar costuma lotar.

Uma outra opcao no segundo dia, caso você não queira ir a Perobinhas e curtir o complexo hoteleiro Tao Paradise. La você paga uma taxa de R$ 100,00 e pode curtir o dia inteiro no delicioso rio e almoçar um dos saborosos pratos da cozinha regional.

Um lugar muito simples e com comida muito, mas muito gostosa e o Restaurante Gameleira, que fica na estrada para São Miguel do Gostoso, na altura de um vilarejo de mesmo nome.

Estando nessa região, não deixe aproveitar para ir conhecer o Km 0 da BR-101, que fica a uns 5 minutos da entrada de São Miguel pela própria estrada.

Próximo ao marco zero fica um farol, que durante a semana e possível subir para apreciar uma vista panorâmica da região.

À noite você pode ir ao centro de Gostoso para comer uma saborosa tapioca no A Tapioca, onde é possível escolher vários sabores para compor sua tapioca. Aproveite que esses ê um dos raros lugares na região onde é possível encontrar o saborosíssimo suco de mangaba, uma fruta regional.

No terceiro dia você pode contratar algumas aulas de windsurf ou kitesurf e ficar se aventurando pelo mar flat de Gostoso. Existe um albergue próximo ao Jack Sparrows chamado Albergue da Jangada, que oferece esse serviço. Cada hora de aula sai em torno de R$ 110,00, entretanto é possível negociar um preço melhor para  pacote de aulas.

Caso você não faça o estilo aventureiro, pegue o acesso norte de Gostoso e vá até Tourinhos, a mesma praia pequena e bonita do primeiro dia, onde foi possível ver o pôr-do-sol mais belo da região. Caso queira dar uma caminhada e ver a beleza das praia adjacentes de cima, suba o morro da lateral direita de Tourinhos e aprecie a vista. Desça pelo lado direito e aproveite a praia cujo o nome não lembro, mas que é mais deserta que a própria Tourinhos.

Como esse é o dia do retorno você precisará voltar cedo para Natal para pegar o vôo de volta. Por isso que recomendo no primeiro dia ir lá apenas para ver o pôr-do-sol.

No almoço recomendo o aconchegante Dio Gastronomia, com cardápio ousado e comida saborosa, que fica na avenida principal de Gostoso.

Fim dia dia retorno para o hotel e saída de volta para Natal. Chegue ao aeroporto com 1:30 de antecedência ao vôo, afim de evitar atrasos com a entrega do carro e prejudicar o seu check-in. Caso tenha sobrado alguma horinha e você esteja com fome, não deixe de conhecer o Camarões Restaurante em Natal.

Boa viagem!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Dicas de Viagem: Okinawa

Dicas de Viagem: Nagoya

Dicas de Viagem: Kansas City e Redondezas